Pilotos e comissários encerram greve após aceitarem proposta das companhias aéreas

Rebecca Loureiro

25 de dezembro de 2022

Após cinco dias de paralisação, os pilotos e comissários de voos aceitaram uma nova proposta das companhias aéreas e, encerraram a greve que começou na segunda-feira (19). A informação foi confirmada pelo Sindicato Nacional dos Aeronautas, neste domingo (25).

Membros do sindicato disseram, em transmissão ao vivo, que cerca de 70% dos trabalhadores aprovaram a nova proposta de convenção coletiva, que prevê reajuste de 6,97% nos salários fixos e variáveis, assim como definição do horário de início das folgas e indenização por descumprimento por parte das empresas. A entidade afirmou que 5.834 pessoas participaram da votação.

A greve por melhores salários e condições de trabalho ocorreu diariamente, entre segunda e sexta-feira (23), por duas horas diárias, entre as 6h e 8h. O movimento em nove importantes aeroportos do país originou centenas de atrasos de voos e diversos cancelamentos.

No sábado, a greve foi suspensa para análise dos pilotos e comissários da nova proposta enviada pelas aéreas, que também inclui a possibilidade de início de férias em sábados, domingos e feriados. A votação encerrou às 12h deste domingo.

Na última quinta, a categoria tinha rejeitado uma outra proposta, que previa, reajuste dos salários fixos e variáveis em 100% do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), entre outras medidas. À ocasião, 59,25% dos participantes votaram contra a proposta.

Matérias relacionadas...