Microsoft irá demitir 10 mil funcionários

Rebecca Loureiro

19 de janeiro de 2023

A Microsoft irá demitir 10 mil funcionários como parte de medidas mais amplas de corte de custos, disse a empresa em um comunicado na quarta-feira (18), tornando-se a mais recente empresa de tecnologia a repensar a contratação de equipe em meio à incerteza econômica.

Falando antes do anúncio da demissão no Fórum Econômico Mundial em Davos, na Suíça, nesta quarta, o CEO da Microsoft, Satya Nadella, disse que a empresa não estava imune a uma economia global mais fraca.

Em um memorando aos funcionários na quarta, Nadella também citou mudanças na demanda por anos de serviços digitais durante a pandemia, bem como temores de recessão iminente.

A Microsoft tinha aproximadamente 221 mil funcionários em tempo integral globalmente em 30 de junho de 2022, segundo um documento da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA, com cerca de 122 mil desses funcionários baseados nos Estados Unidos.

Nadella disse que os cortes de empregos representam menos de 5% da força de trabalho total da empresa e as reduções serão concluídas até o final do terceiro trimestre fiscal deste ano, que termina em março.

“Essas decisões são difíceis, mas necessárias”, escreveu Nadella.

Matérias relacionadas...